sábado, 7 de janeiro de 2012

"O GOLPE" Dra. Liziane Anzanelo. ONCOLOGISTA. Indignidade no Brasil.



TODO BRASILEIRO PRECISA SABER...LEIA COM ATENÇÃO...






Depoimento Dra. Liziane Anzanelo - ONCOLOGISTA






SOBRE O TRATAMENTO DO LULA






Simplesmente perfeito o depoimento desta médica oncologista aqui de Blumenau(SC) Dra. Liziane Anzanelo.

Meus amigos, como oncologista digo que ninguém está desejando mal ao Lula ou aos pacientes sofredores de câncer, mas sabemos que quando um governante passa na pele o que um paciente passa para ter o direito a um tratamento digno e justo, ou mesmo morre na fila esperando um medicamento, uma cirurgia ou simplesmente pela ineficiência do sistema, temos que nos revoltar!!!
Porque todos não tem o... direito de ter um diagnóstico no sábado e iniciar o tratamento na segunda, me digam um paciente que conseguiu essa presteza, ou que tratou linfoma com a droga de ponta que a Dilma usou, ou vai fazer infusão contínua com cateter e bomba de infusão de uso domiciliar???

Por que não nos exasperarmos por nem todos terem os mesmos direitos???
Somos diferentes porque não temos convênios, ou mesmo cargos importantes???
E a Constitutição Federal não diz que temos todos os direitos e somos iguais???
Temos sim que aproveitar essa situação e mostrar que há diferenças nos tratamentos e lutar pelos direitos dos mais fracos. Não é justo que um paciente espere 30-40 dias para ter um diagnóstico patológico, ou aguarde na fila de cirurgias, simplesmente porque não há mais médicos se submetendo aos salários de fome que o SUS paga!
Pagar de 10 - 17 reais de honorários de quimioterapia por paciente/mês é simplesmente um achaque!
Pagar 1.200 reais por Mês para médicos da rede pública por 20 horas de trabalho, e fazê-los atender 18 pacientes ou mais em 04 horas é um abuso!
Eu quero sim que ele se cure e tenha um excelente tratamento, que com certeza já está tendo, mas e o paciente que atendi hoje que não teve a mesma sorte e está morrendo no hospital com menos de 30 anos...
E as mulheres com câncer de mama que não conseguem usar o tratamento mais moderno?

E a fila da reconstrução mamária das mulheres mastectomizadas?
E as filas imensas da radioterapia, que só não são as maiores pela abnegação de radioterapeutas que tratam os pacientes SUS em suas clínicas privadas, muitas vezes arcando com os custos do tratamento para verem seus pacientes melhor atendidos?
Temos sim que falar, temos que mostrar à população que não é assim que ocorre no dia a dia de pacientes oncológicos, que ficam sentados dentro de ambulâncias o dia todo aguardando para voltarem para suas casas após terem feito seus tratamentos ou seus exames cedo pela manhã, aguardando aqueles que fazem exames e tratamentos á tarde.

Se vocês não sabem o câncer é uma doença que mais mata somente vindo atrás das doenças coronarianas.
Quase um problema de saúde pública!
E seus custos são altos sim, mas não justificam que para custeá-los temos que sacrificar pacientes que teriam chances reais de cura, que hoje mesmo a doença se encontrando em estágios avançados chegam aos índices de 50 %.

Sinto muito se o Lula está passando por isso, mas com certeza não está lutando para ter seu medicamento e passando por um grave estresse para ver quando vai começar ou quando vão lhe chamar para iniciar seu tratamento?

Queria que todos os pacientes oncológicos tivesem o direito ao tratamento de ponta oferecido no Sírio ou no Einstein!!

Somente nós médicos sabemos o dilema ético ao dizer ao paciente que terá que fazer um tratamento, mas que talvez não tenha acesso no sistema, por exemplo a hormonioterapia extendida para câncer de mama após uso de Tamoxifeno, não é disponibilizada ao pacientes do SUS, porque não tem código para esse tratamento, haja visto que a tabela está desatualizada.

O SUS diz que paga tudo, as tabelas realmente não dizem qual tratamento o médico deve fazer, o médico pode prescrever o que quiser, entretanto, o valor pago pelo código da doença é ínfimo e não cobre os novos tratamentos, quem paga a conta???
Os hospitais filantrópicos???
Os hospitais públicos já tão sucateados...
Ou deixamos assim, e não nos indignamos, afinal eu não tenho nada a ver com isso, na minha família niguém tem câncer, e eu tenho convênio de saúde, para que vou me preocupar????

Quando a água bater naquele lugar, quero ver....Sorry pelo desabafo!
Mas é irritante escutar tanta coisa de quem não tem a mínima noção do que seja a saúde nesse país, e isso que em Blumenau e no Sul vivemos num paraíso, comparado com o resto do país.
Faz de conta que é uma piada fantástica, REPASSE Em um dos seus muitos discursos demagógicos e eleitoreiros, o sr. Lula declarou que o SUS no Brasil era tão bão que dava vontade de ficar doente para se tratar no SUS. Comprove agora a demagogia.

"Existem duas opções na vida:



Se resignar ou se indignar e eu, não vou me resignar, nunca."



Darcy Ribeiro






....

sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Presidentes Militares Brasleiros

"TODOS OS PRESIDENTES MILITARES BRASILEROS MORRERAM POBRES PORQUE FORAM E SÃO HONESTOS"

sábado, 6 de novembro de 2010

Furta-cor: A VERGONHA DO MUNDO

"SE HABITANTES DE OUTROS PLANETAS NOS VISITASSEM, EU SENTIRIA VERGONHA AO NOTAREM QUE ENTRE NÓS, TERRÁQUEOS, VERSAM ASSUNTOS DE DISCRIMINAÇÃO POR COR DA PELE".
(Paulino de Oliveira. Brasil. 10/01/1978).

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

EDIR MACEDO XINGA E HUMILHA ESPOSAS DOS PASTORES.

http://www.youtube.com/watch?v=OSiubDgIASY

http://www.youtube.com/watch?v=HgQNB7p3MK8&feature=related

EDIR MACEDO XINGA E HUMILHA ESPOSAS DOS PASTORES. VEJA NO VÍDEO ABAIXO:
http://www.youtube.com/watch?v=K2Ue3e8sN3I&feature=related

quinta-feira, 9 de setembro de 2010

Correção para os Aposentados. Globo.09.09.2010

http://g1.globo.com/jornal-nacional/noticia/2010/09/reajuste-do-stf-vai-beneficiar-um-milhao-de-aposentados.html

Reajuste do STF vai beneficiar um milhão de aposentados
Os servidores que não receberam os aumentos do teto de 1998 e 2003 terão direito à correção, que ainda será calculada.
imprimir
Uma decisão do Supremo Tribunal Federal vai beneficiar cerca de um milhão de aposentados.

O contador Gedeão sempre contribuiu para a Previdência: se aposentou recebendo o máximo permitido pelo INSS. Um mês depois da aposentadoria, houve um reajuste grande para o benefício, mas ele não teve direito por decisão da Previdência, que não autorizou o aumento para quem já recebia o máximo permitido por lei.

“A minha aposentadoria está totalmente ....”, disse o aposentado.

O Supremo Tribunal Federal decidiu que aposentados que tiveram perdas, como Gedeão, têm direito a um reajuste, que ainda será calculado.

As perdas ocorreram em 1998, quando o teto subiu de R$ 1.081,50 para R$ 1.200,00; e também em 2003, quanto subiu de R$ 1.869,34 para R$ 2.400,00. Mas a correção só vai ser aplicada nos casos em que o valor do teto não foi corrigido.

O governo garante que ninguém mais vai precisar entrar na Justiça. Assim que a decisão do Supremo Tribunal Federal for publicada, o Ministério da Previdência vai ser orientado a fazer o novo cálculo, caso a caso. A correção é retroativa.

O governo ainda não calculou quanto irá desembolsar, mas o advogado geral da união diz que ainda não há prazo para o pagamento: “Acredito que o sistema poderá ser ágil o suficiente, mas é um volume grande, estamos falando de um milhão de aposentados, e isso pode levar um tempo”, disse o advogado geral da União, Luiz Inácio Lucena Adams.

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

GRUPO GURARARAPES

"Não é indenização e sim roubo. O TCU já protestou e vai rever indenizações que já custaram 4 bilhões de reais aos cofres da União. Para que se tenha idéia a viúva do desertor Lamarca ia receber mais de 900 mil reais e vencimentos de general de brigada e promoção ao posto de coronel, quando ele roubou as armas do Quartel onde servia, saiu matando gente por ai ao lado da Dona Dilma, que fez parte do roubo do cofre da amante do Senhor Ademar de Barros, levando mais de dois e meio milhões de dólares do que não presta conta.Até o presidente atual recebe uma pensão de mais de 5 mil reais só porque foi preso por um mês no gabinete do delegado Tuma e não deixou de receber dinheiro do sindicato, como afirmam..."